Piso industrial de alta resistência: a importância de escolher o modelo certo de revestimento

Imagem:

Reconhecer a necessidade de investir em revestimentos de piso para sua empresa, fábrica ou indústria, não é o suficiente para solucionar as questões relacionadas a proteção e garantia do melhor desempenho e operação do seu negócio. Isto porque, existem diversos tipos de pinturas e revestimentos de pisos que oferecem suportes específicos para cada área dentro ambiente industrial.

Por isso, é muito importante contar com uma consultoria profissional que analise o seu espaço, suas características locais e toda operação ali executada, para traçar soluções que de fato ofereçam o melhor suporte e desempenho.

Dois fatores muito levados em consideração por empresas que buscam pisos e revestimentos industriais de alta performance, são as questões de resistência e durabilidade. No entanto, não basta fazer a escolha pela solução mais ‘resistente’ ou ‘durável’ a longo prazo, pois existem diversos detalhes técnicos que acabam influenciando o desempenho do modelo de revestimento aplicado no local. Por isso, é importante pontuar algumas informações sobre estes fatores.

Tipos de resistência

Resistência química

Dentro de um ambiente operacional, há diversos tipos de substâncias, produtos e organismos (bactérias) interagindo constantemente. À medida que este fluxo é sucedido e todo este conjunto é colocado em contato, há reações químicas acontecendo de todas as formas, o que acaba gerando consequências.

É justamente dentro deste processo, que identificamos problemas na superfície do piso, como ressecamento, manchas, rachaduras e até sinais mais graves de comprometimento do espaço, como corrosão. Por isso, a resistência química é um fator muito importante para ambientes industriais, porque existem modelos que apresentam um desempenho diferenciado contra ataques químicos, causados por ácidos, produtos de limpeza, proliferação de bactérias etc.

Resistência mecânica

Já em relação a resistência mecânica, devemos levar outros fatores e tipos de situação para analisar o ambiente operacional em ocasião. O intenso tráfego de máquinas e movimentação de pessoas, por exemplo, gera desgaste no solo e no piso exposto a este fluxo constante de atritos. Conforme o tempo vai passando, esta relação se torna mais exigente e a resistência do revestimento é colocada em prova.

Por isto, a resistência mecânica de um modelo ideal é tão importante, pois é levado em consideração diversos fatores específicos do espaço em questão, e o piso é melhor protegido contra atividades que gerem abrasão e outros problemas que comprometem a sua qualidade.

Resistência térmica

Por fim, mas não menos importante, a resistência térmica é um dos fatores mais complexos de se analisar. Isto porque, a questão tem como base a temperatura e variação térmica do ambiente e de tudo que há nele. Indústrias que contam com caldeiras ou sistemas rígidos de resfriamento, por exemplo, necessitam de um grande cuidado e atenção no assunto, pois expor um piso revestido a uma variação térmica não indicada, pode resultar em um grande prejuízo para o seu investimento.

Por tudo isto, na hora de escolher o modelo de revestimento ou pintura de piso de alta resistência ideal para sua indústria, é fundamental considerar estes três fatores. Então, contar com uma avaliação técnica profissional pode ajuda-lo a encontrar uma melhor escolha, valorizando não apenas o desempenho da solução, como sua relação custo-benefício com o investimento.

Posts relacionados

Solicite um contato com nossa Equipe técnica

Desenvolvido por AO5 Marketing Digital